Sporting 0-1 Gil Vicente

Gil Vicente canta de galo no covil do leão

Os gilistas venceram em Alvalade por 1-0 e carimbaram o passaporte para as meias-finais da Taça da Liga. Braga é o próximo adversário da equipa de Paulo Alves.

spor gil 1

Uma semana depois de vencer o campeão FC Porto, para o campeonato, em Barcelos, o Gil Vicente veio a Lisboa eliminar o Sporting da Taça da Liga. Cláudio marcou de pénalti e tirou aos leões a possibilidades de chegar às meias-finais.

O Gil Vicente entrou no relvado de Alvalade personalizado e pertenceram-lhe as primeiras ocasiões de perigo: Hugo Vieira primeiro, e Halisson depois causaram os primeiros sustos a Marcelo Boeck.

O Sporting reagiu por Matías Fernandez, mas o chileno, frente a frente com Adriano, permitiu a defesa ao guarda-redes gilista.

Carrillo, com dois remates, marcou o melhor período dos leões, mas o Gil Vicente, sempre muito equilibrado, deixou a defesa do Sporting em sentido em cada ataque organizado, com Hugo Vieira a causar muitas dores de cabeça a Polga e Onyewu.

Tal como no início do encontro, o Sporting voltou a entrar para a segunda parte demasiado lento de processos e o Gil Vicente explorava sempre que podia os espaços na defesa leonina.

spor gil

Num desses lances, Hugo Vieira (o melhor dos gilistas) arrancou para a área e só foi travado, em falta, já dentro da área, por Onyewu. O norte-americano foi expulso e Cláudio inaugurou o marcador, batendo Rui Patrício da marca de 11 metros.

O Sporting tinha de ganhar, mas a partir dos 54’ encontrou-se a perder. Reagiram de imediato os leões e tomaram conta do jogo, com Carrillo sempre como o mais inconformado. O Gil focou-se no contra-ataque.

O Sporting tentou de toda a maneira chegar ao golo mas esta não era a noite dos leões, que foram mesmo prejudicados por um erro de arbitragem, numa queda de Matías na grande área minhota em que não foi assinalado grande penalidade.

Até final, o Sporting muito insistiu mas o Gil Vicente esteve sempre no controlo do jogo e podia mesmo ter aumentado a contagem em Alvalade, não fosse Marcelo Boeck ter mostrado serviço.

O Sporting está fora da Taça da Liga e os assobios à equipa, após o apito final, não auguram uma próxima semana fácil em Alvalade.


© ÓrbitanewsSport 2011