Sporting é o único

Sporting é o único luso nos "oitavos"

Finalistas da época passada, os portugueses FC Porto e SC Braga, caem nos 16 avos de final.

sportla

As eliminações de FC Porto, vencedor, e Sporting de Braga, finalista da última edição da Liga Europa de futebol, constituiram as notas mais salientes dos 16 avos de final da presente edição, que conta agora com apenas uma equipa lusa.

O Sporting, o único dos três conjuntos que trazia um resultado favorável para a segunda mão, conseguiu manter a vantagem e venceu mesmo os polacos do Legia Varsóvia em Alvalade por 1-0, golo de Matias Fernandez (84 minutos), marcando encontro com os ingleses do Manchester City na ronda seguinte.

Os ingleses foram os "carrascos" do FC Porto nesta eliminatória, tendo vencido logo na primeira mão, no Dragão, por 2-1 e confirmado a sua superioridade na quarta-feira, quando golearam na receção aos "azuis e brancos" por 4-0.

Perto de conseguir a reviravolta esteve o Sporting de Braga, que foi a Istambul vencer os turcos do Besiktas por 1-0, golo de Lima, aos 25 minutos, quase conseguindo anular a desvantagem de dois golos trazida da primeira mão, quando perdeu em Braga por 2-0.

Na ronda seguinte, o Besiktas, que é orientado pelo português Carlos Carvalhal e conta nas suas fileiras com os portugueses Ricardo Quaresma, Simão Sabrosa, Manuel Fernandes, Júlio Alves, Hugo Almeida e Bebe, vai medir forças com o Atlético Madrid, equipa onde alinham os portugueses Tiago, Pizzi e Sílvio, e que hoje confirmou a vantagem na eliminatória frente aos italianos da Lazio, vencendo por 1-0, após 3-1 na primeira mão.

Sílvio reapareceu nos "colchoneros" após três meses de lesão, tendo entrado ao minuto 70, enquanto Simão terá a oportunidade de rencontrar os madrilenos, equipa que representou antes de se transferir para Istambul.

Em Manchester, o United até começou da melhor maneira e deu sinais de que iria resolver cedo a eliminatória frente ao Ajax, adiantando-se no marcador logo aos seis minutos, por Chicharito, mas os holandeses não se renderam e deram a volta, com tentos de Ozbiliz (37) e de Alderweireld (87), ficando a um tento de eliminar a equipa orientada por Alex Ferguson e que hoje contou com Nani no "onze" inicial.

Quem deixou fugir a vantagem de um tento da primeira mão foi o Lokomotiv Moscovo do treinador português José Couceiro, que ainda tentou o tudo por tudo nos instantes finais para tentar empatar o jogo em Bilbau diante do Athletic, ordenando que o seu defesa central luso Manuel da Costa experimentasse terrenos mais adiantados de jogo.

Os espanhóis, que na próxima ronda têm pela frente o Manchester United, venceram por 1-0, anulando a desvantagem de 2-1 trazida da Rússia e beneficiando do facto de terem marcado um golo em casa do adversário.

Os outros espanhóis ainda em prova, o Valência, dos portugueses Miguel e Ricardo Costa, seguiram em frente sem problemas, repetindo hoje o resultado de 1-0 da primeira mão, obtido em casa dos ingleses do Stoke City.

Os alemães do Hannover, hoje com Sérgio Pinto nos 90 minutos, confirmaram o triunfo da primeira mão (2-1) e hoje venceram em casa dos belgas do Brugge por 1-0, marcando encontro com outra equipa belga na ronda seguinte, o Standard Liege.


© ÓrbitanewsSport 2011