Sporting - Mnc. City

Insúa acredita no apuramento frente ao Manchester City

Sporting «unido e sem falhas na defesa» pode eliminar Manchester City, diz Insúa

O lateral esquerdo Insúa garante que o treinador Sá Pinto trouxe «mais força e união» ao Sporting, que pode eliminar o Manchester City na Liga Europa de futebol «se for unido e não falhar na defesa».

sporti-li

«Não há segredos [para vencer]. Trata-se apenas de trabalho e espírito de equipa. Só uma equipa unida e sem falhas na defesa pode ser bem-sucedida frente ao Manchester City», disse o argentino ao sítio da UEFA.

O Sporting está em fase de transformação após dispensar o treinador Domingos Paciência e apostar em Sá Pinto, que, segundo Insúa, promoveu uma «mudança de atitude» da equipa.

«Percebemos que o que estávamos a fazer não era suficiente. Agora estamos mais fortes e mais unidos. Cada um de nós tem dado 100 por cento e as coisas estão claramente melhor», defende.

Apesar da confiança, o antigo jogador do Liverpool reconhece que não será fácil defrontar «o líder do campeonato inglês», pelo que a equipa leonina deve estar «focada e dar tudo o que tem».

«O City é muito forte, como podemos constatar pela excelente época que está a fazer. Têm vários grandes jogadores, muitos deles internacionais, várias figuras de nome internacional, especialmente no ataque. Ainda assim, sabemos que não são invencíveis. Já perderam esta época por isso teremos as nossas possibilidades», vincou.

“Kun” Aguero é uma dessas estrelas, futebolista com quem Insúa foi campeão do Mundo sub-20 em 2007: «É um grande avançado. Um dos melhores que conheço. Desde início, temos de evitar que receba a bola em posição perigosa. Temos de estar perto dele a toda a gora e marcá-lo de forma agressiva, para que não tenha oportunidades».

Em jeito de sugestão, Insúa vai dizer a Aguero e Zabaleta, outro compatriota, que devem focar as suas atenções no campeonato inglês, «claramente um objetivo mais importante para o Manchester City do que a Liga Europa».

Dos tempos do Liverpool, o esquerdino recorda que o futebol inglês «é mais direto, físico e forte» e que o português tem a particularidade de ser mais «técnico e lento».

Sporting e Manchester City disputam a primeira eliminatória quinta-feira às 18:00 no Estádio de Alvalade.


© ÓrbitanewsSport 2011