Mourinho

Mourinho ficou atrás de Guardiola e Ferguson


mourinho

O técnico português tinha sido o galardoado em 2010, mas não conseguiu repetir o feito nesta edição do prémio.

O treinador português de futebol do Real Madrid, José Mourinho, foi o terceiro mais votado na eleição do técnico do ano, atrás do vencedor e rival Pep Guardiola (FC Barcelona) e do escocês Alex Ferguson (Manchester United).

Mourinho, ausente da cerimónia de Zurique devido a compromissos dos “merengues”, ficou-se assim pelo terceiro lugar depois de ter sido o preferido há um ano. O treinador obteve 12,43 por cento dos votos, enquanto Ferguson alcançou 15,61 e Guardiola reuniu 41,92.

A seleção feminina do Japão, vencedora do Mundial Alemanha2010, também foi distinguida com dois prémios, respetivamente para a melhor jogadora do Mundo e para o melhor treinador.

Sawa, que já tinha sido eleita melhor futebolista do torneio, após se sagrar melhor marcadora (cinco golos), recebeu 28,51 por cento dos votos, seguida pela brasileira Marta (17,28) e pela norte-americana Abby Wambach (13,26).

O técnico nipónico, Norio Sasaki, também se impôs na sua categoria, com 45,57 por cento dos votos, à frente da treinadora sueca dos Estados Unidos, Pia Sundhage (15,38) e do selecionador francês Bruno Bini (10,28).


© ÓrbitanewsSport 2011