Sp. Braga 4-0 V. Guimarães

Bracarenses arrasam vizinhos minhotos

A formação de Guimarães não esteve à altura deste Braga, que se encontra agora a três pontos do FC Porto e Benfica. Lima converte-se no melhor marcador (15 golos) do campeonato.

braga vg

O SC Braga goleou, esta segunda-feira, o Vitória de Guimarães por 4-0, com golos de Elderson (4'), Custódio (19'), Lima (77' g.p.) e Ukra (88'), no encontro que encerrou a 20.ª jornada do campeonato português. Esta foi a 9.ª vitória consecutiva dos bracarenses na I Liga.

Quando se fala em dérbi minhoto espera-se um encontro equilibrado por parte destes eternos rivais. Mas desta vez, a equipa de Braga, a jogar em casa, foi muito superior ao seu vizinho e goleou o Vitória.

Com Paulo César a substituir o lesionado Alan, Leonardo Jardim viu os seus jogadores adiantarem-se no marcador logo aos 4 minutos de jogo, num cabeceamente do lateral esquerdo Elderson. Motivados, o SC Braga chegou ao segundo 15 minutos, num outro cabeceamento, desta vez de Custódio. Nos dois lances, o guardião brasileiro Nilson, do Vitória, ficou muito mal na fotografia.

Aos 31 minutos, o árbitro João Capela expulsou o central vimaranense Freire por este ter pisado o extremo bracarense Hélder Barbosa. A perder por 2-0, Rui Vitória ainda viu a sua equipa reduzida a dez elementos e tudo se complicava para os vimaranenses.

Nota de destaque para a exibição de Hugo Viana durante o primeiro tempo com todo o caudal ofensivo bracarense a sair dos pés do médio português.

Só no último minuto do primeiro tempo é que o Vitória se aproximou com perigo da baliza de Quim. Edgar tinha tudo para marcar mas permitiu o corte dos defesas do SC Braga.

O SC Braga dominou por completo nos primeiros 45 minutos e deixou a sensação que tinha tudo para aumentar a vantagem no segundo tempo.

A formação orientada por Leonardo Jardim não entrou tão bem na etapa complementar mas foi sempre a mais agressiva no campo, perante um Vitória de Guimarães sem soluções, mesmo com a entrada de Urreta para o lugar de Barrientos.

Numa altura em que o jogo estava sem ritmo, o SC Braga beneficiou de uma grande penalidade que João Capela assinalou após falta de N' Diaye sobre Hélder Barbosa. Na conversão, Lima não falhou e converte-se no melhor marcador do campeonato com 15 golos, ultrapassando Cardozo do Benfica.

braga vg2

Os adeptos de Braga gritavam "Olés" e "Joguem à bola" para irritar os adversários e os jogadores brindaram com mais um golo. Desta vez foi Ukra, que saiu do banco de suplentes para selar o resultado final em 4-0.

A equipa de Braga vence com todo o mérito o dérbi minhoto e coloca-se na corrida pelo título, a três pontos de FC Porto e Benfica. 


© ÓrbitanewsSport 2011