Pedro Emanuel

«Quem não mata, morre»

A Académica perdeu em casa com o Olhanense, por 1-0, e continua nos últimos lugares da tabela.


O treinador da Académica, Pedro Emanuel, pediu esta segunda-feira que «se tiverem de criticar alguém» que seja a ele.

pedro-emanuel

«Quem não mata morre. Tivemos oportunidade de chegar à vantagem, não o fizemos e o Olhanense marcou nos lances de contra-ataque em que é muito forte. Depois, o adversário baixou as linhas, o que é normal, mas a Académica continuou sempre a produzir o futebol de que gosta, com boa circulação e cruzamentos. Nem sempre da melhor maneira, porque é normal a ansiedade apoderar-se um pouco dos jogadores pelo estigma que pesa na equipa», explicou o treinador, na zona de entrevistas rápidas.

A Académica é 14ª classificada da Liga, estando no último lugar de permanência na I Liga. Desde dezembro que a equipa não ganha e o adversário foi curiosamente o Olhanense, que esta noite venceu em Coimbra.


© ÓrbitanewsSport 2011