Feirense 1-4 Sp. Braga

Arsenal de armas de Braga aponta ao título

Com mais um triunfo minhoto, o 12.º consecutivo na I Liga, o SC Braga volta a colar-se ao Benfica e está a um ponto do líder FC Porto. Faltam sete jornadas para terminar o campeonato.

braga -fei

O SC Braga foi, este sábado, a Santa Maria da Feira vencer o Feirense por 1-4, em jogo da 23.ª jornada da I Liga, disputado no Estádio Marcolino de Castro. Hélder Barbosa (6’), Lima (55’), Mossoró (58’) e Hugo Viana (73’) fizeram os golos arsenalistas.

Com Paulo César a ser a única alteração no onze minhoto, a equipa orientada por Leonardo Jardim entrou a criar pressão sobre um adversário que precisava de pontuar no campeonato português para fugir aos lugares de despromoção, numa altura em que ainda existe incerteza quanto às regras de alargamento da I Liga de 16 para 18 clubes sem descidas.

O primeiro golo da equipa visitante apareceu logo aos 6 minutos de jogo. Num cruzamento de Custódio para a grande área, Paulo Lopes falhou a interceção e Hélder Barbosa aproveitou da melhor para encostar, inaugurando marcador no Estádio Marcolino de Castro, em Santa Maria da Feira.

O Braga continuou por cima do encontro mas com os jogadores a deixarem de privilegiar o “futebol coletivo”, isto no primeiro tempo, para fazer sobressair a qualidade individual de cada um. Mossoró, Hugo Viana e Lima foram os que mais insistiram, mas sem sucesso.

As duas equipas voltaram ao balneário com o marcador a mostrar 0-1 para a formação orientada por Leonardo Jardim.

braga--feir

Na segunda parte a superioridade bracarense surgiu no seu esplendor com dois golos a surgirem em menos de três minutos. Lima marcou o segundo tento bracarense aos 55 minutos, igualando desta forma Óscar Cardozo (que ontem marcou dois no Benfca - Beira-Mar) na lista de melhores marcadores da I Liga. Mossoró fez logo de seguida o terceiro.

Hugo Viana, que tantas vezes tentou chegar perto da baliza do Feirense para marcar, fez o quarto golo bracarense aos 73 minutos. Mas este foi assinado com a melhor arma do médio português: na conversão de um livre direto. E que golo!

O Feirense não baixou as armas, mesmo a perder por 0-4, e conseguiu apontar o golo de honra por Bédi Buval, um minuto depois de Viana ter feito balançar as redes.

Resultado expressivo, futebol consistente (mais na segunda parte do que na primeira) e 12.ª vitória consecutiva no campeonato quando faltam apenas sete jornadas para terminar a temporada 2011/2012. SC Braga continua na corrida ao título nacional.

«Nós só queremos o Braga campeão!», gritaram os adeptos minhotos na reta final do encontro.


© ÓrbitanewsSport 2011