F C Porto

FC Porto e Pinto da Costa em destaque nos Globe Soccer Awards

O presidente dos Dragões defendeu, no Dubai, à margem da segunda edição dos Globe Soccer Awards, que «os grandes da Europa olham para o FC Porto reconhecendo-lhe qualidades».

pinto costa

Jorge Nuno Pinto da Costa defendeu que «os grandes da Europa olham para o FC Porto reconhecendo-lhe qualidades», falando durante a Conferência Internacional de Desportos do Dubai, que decorre no âmbito do evento Globe Soccer.


Na mesma altura, o secretário-geral da UEFA, Gianni Infantino, aconselhou os clubes a concentrar atenções nos exemplos do FC Porto, a propósito da sua capacidade de seleção e desenvolvimento de jogadores, e do Barcelona, hábil no merchandising.

«O FC Porto é o clube com mais títulos conquistados no século XXI, tendo ganho, neste período, quatro troféus internacionais", observou Pinto da Costa, que participou como preletor num painel subordinado ao tema “Visto de Cima».

Pinto da Costa, que falava na condição de especialista na conjugação do êxito desportivo com o negocial, abordou ainda questões relacionados com a prospeção, vendas, transferências, contratações e gestão.

O presidente portista enumerou com exemplos de contratações altamente promissoras e rentáveis, entre outros, os casos de Hulk, James, Iturbe e «a quantidade de ex-jogadores do FC Porto agora a representar as mais competitivas equipas da Europa».

O tema exportação justificou, inclusive, o alargamento da análise a treinadores de qualidade, como «José Mourinho, André Villas-Boas e até Jesualdo Ferreira e Fernando Santos, que nunca tinham sido campeões antes de chegar ao FC Porto e que apresentam agora carreiras que muito nos honram».

O líder portista integrou um painel juntamente com o presidente do Barcelona, Sandro Rosell, o secretário-geral da UEFA, Gianni Infantino, e o presidente da Associação Italiana de Agentes de Futebol, Giovanni Brannchini.

Nos Globe Soccer Awards, o FC Porto está nomeado, juntamente com o campeão europeu Barcelona, de Espanha, e Borussia de Dortmund, da Alemanha, para o galardão de Melhor Clube do Ano em Operações no Mercado de Transferências e Resultados Desportivos, enquanto Jorge Mendes está entre os candidatos a Melhor Agente do Ano, prémio que ganhou em 2010.


© ÓrbitanewsSport 2011