Dakar

Dakar com Pacífico à vista


O Dakar segue para Norte à medida que se aproxima do fim. Nova liderança nas motas foi a principal novidade da etapa de ontem.


dakar

O Dakar tem esta terça-feira mais uma etapa, ligando Antofagasta a Iquique, numa especial de 556 km. Um percurso de dois troços, separados por uma neutralização, em que o primeiro é bastante rápido e marcado por pistas de terra fina. No segundo setor ganha importância a navegação, com os pilotos a terem de encontrar os waypoints obrigatórios com poucas indicações.    

No dia de ontem, a principal novidade foi a mudança de liderança nas motas. Mar Coma venceu mais uma etapa e aproveitou um “deslize” de Despres para passar para o primeiro lugar da geral. O francês perdeu mais de 11 minutos logo na primeira parte da etapa e o espanhol soube capitalizar esse erro, liderando agora por pouco mais de um minuto.

Hélder Rodrigues cimentou o terceiro posto, mas com o quarto tempo de ontem continua sem se conseguir aproximar dos dois primeiros na geral. O melhor português de ontem foi Ruben Faria, ao fazer o terceiro tempo da etapa entre Copiapó e Antofagasta, e está agora em 13.º da geral.

Quem também se atrasou ontem foi Paulo Gonçalves, que logo no início da etapa ficou atascado num lago de lama. Fez apenas o 15.º tempo da especial de 477 km e viu o francês Casteu “roubar-lhe” o quarto lugar na geral, caindo para quinto.

Nos carros, Nani Roma alcançou mais uma vitória para os MINI e a liderança mantém-se na posse de Stéphane Peterhansel, que ontem fez o quarto tempo da etapa. Na geral, atrás do francês, está Robby Gordon, em Hummer, e Holowczyc, também num MINI.

Entre os portugueses, Carlos Sousa foi o melhor, com o sétimo tempo, enquanto Ricardo Leal dos Santos fez o nono, depois de ter furado duas vezes. O piloto de Almada é oitavo da geral e o piloto da MINI está em 15.º. 


© ÓrbitanewsSport 2011